sexta-feira, 3 de maio de 2013

Angel


Eu ainda teria umas semanas até viajar... Precisava ir mais cedo para fazer umas aulas de equitação e de pilotagem de motos... Seriam árduos dias de trabalho, mas eu conseguiria!
Acabei por me enfurnar no facebook – além de estudar minhas falas – e foi lá que conheci uma bela garota... Seu nome? Não importa... Mas eu a conheci. Linda. Um anjo!

Eu já havia a adicionado semanas antes, mas o fato dela ter um noivo me impediu de tentar uma aproximação – vocês sabem o que penso sobre mulheres compromissadas -.
Quando fiquei cansado de usar o facebook, pensei em desativá-lo, mas antes que eu o fizesse, vi que o belo anjo havia rompido seu noivado. Um misto de felicidade, receio e tristeza invadiu meu peito. Fui tomado por uma sensação a qual eu já conhecia... Não. Não era somente tesão, era algo maior...

Consegui me ver de uma forma completamente diferente... Eu não era mais o mesmo! As festas, as baladas, tudo passou a ter um segundo plano em meus dias... Eu apenas sentia vontade de conversar com ela, de saber como ela estava... De ver a “bolinha verde” do status online ali... Comecei a notar que isto estava se tornando um vício: o de querer falar com ela, nem que fosse por poucos minutos...

É. Eu estava fodido! Ou melhor dizendo, estava apaixonado! Pensei qual poderia ser meu problema... Porque eu só consigo me apaixonar pelas garotas fofas, lindas, perfeitas?  A única exceção foi Rebeca, e olha que ela foi o meu primeiro amor... Oh droga! Não era paixão, era amor! AH MERDA!

Acabei por confessar meus sentimentos... Por um ímpeto, a pedi em namoro, ela não aceitou... Seu noivado havia sido rompido recentemente e ela não se sentia pronta para um novo envolvimento...

Os dias passaram... Eu compreendi. Certo dia, conversávamos sobre a vida, sobre loucuras... Ela disse que gostava do meu jeito “cafajeste”... Que me achava romântico... Mas que só poderíamos ser amigos. Aceitei. Deixei de lado, embora meu coração ainda palpitasse toda vez em que eu via a “bolinha verde” ao lado do seu nome na lista do bate-papo.

Saí, curti, fiz de um tudo para esquecê-la... Criei um Ask (uma rede social na qual as pessoas nos fazem perguntas) e me soltei! Eu a notei diferente... Ela estava mais acessível, mas eu não conseguia mais imaginar um “futuro”... Ela sabia dos meus sentimentos... E como sabia...

Agora sinto um vazio em meu peito. Um vazio com o qual eu havia lidado há pouco tempo... DROGA! Eu a amava, mas não me sentia pronto para viver um namoro, casar, ter filhos e o resto... Eu apenas a queria... Sem pressas, sem medos, sem expectativas... Carpe Diem: viver o hoje, o agora.

Seja feliz, meu anjo... Mesmo que seja nos braços de outro... Do homem que você “escolheu”... Do homem certinho e perfeito com o qual você sempre sonhou... Dói. Como dói...  


BARON, Andrew; O cafajeste que um dia te amou

8 comentários:

  1. Sem palavras.
    Não sei como classificar.
    Não sei se acho fofo, romântico, ou triste. Talvez seja um misto disso tudo.
    É tão bom quando aparece um anjo em nossas vidas, mas tão ruim quando eles não podem ficar da forma que queremos... Posso afirmar isso com toda a certeza do mundo, pois também conheci um anjo que só pude chamar de amiga...

    xoxo, http://storiesfromcassia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem nunca se apaixonou, não é?
      É um misto mesmo... É bom amar, mas é ruim não ser amado.
      Também conheci na vida pessoal dois anjos... O que nos resta? Uma boa música, um sorriso e bola pra frente!

      Beijão ;**

      Excluir
  2. É como a Cássia disse, eu não sei se acho fofo ou triste. :/
    Todos passamos por momentos como esses Andrew! Para crescermos em corpo e coração!
    Eu espero que você supere isto! E não se preocupe, você encontrará outro anjo!
    Assim como eu encontrei o meu. :) Até mais ver!

    xoxo
    justmegandl.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Megan, é triste mesmo... E fofo! SUAHUSH'
      É isso! Temos de aprender com tudo! Coisas boas ou ruins! Bola pra frente!

      Beijos ;**

      Excluir
  3. Bola pra frente, gato... Sempre!

    Bjusssssssssssssssss

    ResponderExcluir
  4. (olha pronto... Lá vem o chato do Ben :P)

    Amor... Complicado isso, não? Mas pronto... Anjos existem muitos (?), embora nem sempre sejam iguais...
    Agora, And... Esquecer... Difícil esquecer!

    Agora mudando de conversa (para animar)... O seu ask.fm... Cada ask lá...

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você não é chato, Ben!
      Não aceito seus conselhos! USHAUSH' Resolva-se com a Ronnie! :B Apaixonados são proibidos de darem conselhos kkkkkkkkkkkkkkkkkkk'
      Cada ask não é?

      Abração!

      Excluir